terça-feira, 8 de novembro de 2005

Estratégias de negociação

Esta pequena estória foi recolhida da obra "NEM AQUI NEM ALI" de Bill Bryson, edição recente da Quetzal.
O autor havia feito uma reserva de bilhete para uma viagem de autocarro entre Oslo e Hammersfest, uma cidade remota no Ártico, aonde esperava observar a aurora boreal.
Ao dirigir-se à bilheteira, a menina diz que não tem reserva.


"Isto não está a acontecer" disse eu....
-Deve haver algum equívoco.Veja novamente por favor.
A rapariga analisou a lista de passageiros.
-Não, Senhor Bryson, o seu nome não consta.
Eu, porém, conseguia vê-lo até de pernas para o ar.
-Está aí, o segundo a contar de baixo.
-Não- decidiu a rapariga-o que aqui está é Bernt Bjornson. É um nome norueguês.
-Não é Bernt Bjornson! Está escrito Bill Bryson. Repare no arco do y e nos dois eles. Por favor menina.
Contudo, ela não estava de acordo.
-Se eu perder este autocarro, quando parte o próximo?
-Para a semana, no mesmo horário.
Esplêndido.
-Acredite, menina, está escrito Bill Bryson.
-Não, não está !
-Oiça menina, eu venho de Inglaterrra. Trago comigo um medicamento que pode salvar a vida a uma criança.
Ela não foi nesta cantiga.
-Quero falar com o gerente.
-Está em Stavanger.
-Oiça eu fiz a reserva por telefone. Se eu não seguir neste autocarro, vou escrever uma carta ao seu gerente que ensombrará as suas perspectivas de carrreira até ao fim deste século.
Era óbvio que isto não a assustava. Ocorreu-me então:
- Se este Bernt Bjornson não aparecer, posso ficar com o bilhete dele?
-Claro.
Porque é que eu não começo por pensar logo nestas coisas e não me poupo à angústia?
-Obrigado-respondi e arrastei a mala lá para fora.

Aguardam-se observações e comentários pnlianos...

11 comentários:

José Figueira disse...

Mais uma vez provado:
Se algo não está a funcionar, faça doutro modo!

José Figueira disse...

Que alívio quando se parte deste princípio:
- Percepção é projecção!

José Figueira disse...

Claro:
a linguagem é uma expressão do acontecimento mas não é o acontecimento!!!!!!

José Figueira disse...

Muito interessante. Sobretudo uma lição para as sociedades e organizações burocráticas:
- os procedimentos só têm sentido se aumentarem as possibilidades de decisão devido a um aumento das escolhas!

José Figueira disse...

Um definição de PNL poderia muito bem ser
- PNL é reenquadramento.
Uma moldura diferente à volta das coisas oferece imediatamente um novo ponto de vista e isso facilita a flexibilidade mental que se traduz em novas alternativas de comportamento.
Há sempre mais escolhas, uma visão atrofiada só oferece possibilidades atrofiadas.
PNL é criatividade, abertura para novas escolhas.
Obrigado pela metáfora.

José Figueira disse...

Poderá simplicar muita coisa na vida se se puser na segunda posição, quer dizer, meter-se na pelo do outro.
Toda a comunicação eficiente começa com "rapport". Não há comunicação sem "rapport". Comunicação é "rapport".

José Figueira disse...

O que alguém assume no seu comportamento, fá-lo em geral porque só conhece aquele caminho. Se conhecesse uma via melhor, certamente segui-la-ia.

José Figueira disse...

Faz lembrar-me outro pressuposto da PNL:
o comportamento de alguém não é a pessoa, respeite sempre a PESSOA e ajude-a em seguida a encontrar outro comportamente que seja mais funcional de modo que ambos ganhemos na senda duma maior qualidade de vida.

José Figueira disse...

Nunca se culpe pois é a culpa que produz a angústia.
Aconselho a perguntar-se antes:
- O que aprendi?

José Figueira disse...

FANTÁSTICA METÁFORA!!!

Que outros reajam!

Bal disse...

Identidade!
O viajante via aumentada a sua frustração pelo facto implicito de que era a sua identidade (o Sr Bill Bryson) que não estaria a ser 'respeitada'.