quarta-feira, 31 de março de 2010

Lucas Derks on Applications of Mental Space Research

O Dr. Lucas Derks dará pela terceira vez em Portugal um curso para formar consultores do Panorama Social a 12, 13, 14, 15 e 16 de Maio em Carcavelos.

http://www.panorama-social.blogspot.com/

jose.figueira@pnl-portugal.com

DEIXE QUE LHE OFEREÇA UM OVO DE PÁSCOA...


A Técnica de PNL "O Ovo da Páscoa"

Trata-se de uma técnica que emprega os sistemas de representação visual, auditivo digital e cinestésico, só já por isso bastante efectiva devido ao uso conjunto dos diversos sistemas sensoriais.

Antes de fazer um exercício de PNL é muitas vezes aconselhável conhecer primeiro o exercício nas suas grandes linhas. Neste caso, se seguir o meu conselho, faça doutra maneira para atingir resultados ainda mais surpreendentes. Leia então o exercício passo a passo. Leia só o passo seguinte depois de ter efectuado o anterior.

Escolha um lugar sem interrupções exteriores e em que possa sentir-se confortável.



1. Suponhamos que recebe um ovo de Páscoa com um presente escondido. É a prenda que mais desejaria receber neste momento. Imagine a prenda, o que sente, o que se ouve dizer a si-mesmo, o que os outros lhe dizem… Há até quem cheire, prove e ouça um som especial relacionado com a prenda.

2. Pergunte-se: - É esta mesma a prenda que estou precisando neste momento? A que definitivamente me trará tranquilidade e que vai ao encontro daquilo que sinto profundamente como a minha razão de ser?

3. Agora suponha que existe um mago distribuidor de ovos de Páscoa, mas um mago que conhece aquilo que você sente intuitivamente como mais significativo na sua vida. O que é que ele meteria no ovo como prenda para si?

4. Considere: - a visão que você tem sobre si e a visão do mago correspondem uma com a outra? O que pode aprender desta comparação?

5. Se quiser relembre este exercício nos próximos dias cada vez que for confrontado com um ovo de Páscoa. E deixe-se espantar com os presentes, sejam eles quais forem.


As Páscoas repetem-se e renovam-se com significados milenários. E o nosso mago não nos informará sobre onde estaremos na próxima Páscoa.


Uma Páscoa feliz
José Figueira

CONTRALUZ (filme de Fernando Fragata)

terça-feira, 30 de março de 2010

LOBOTOMIA ILUSÓRIA



Embora este blog não tenha directamente a intenção de fazer publicidade e muito menos para actividades quaisquer fora do campo da PNL, não resisto a colocar aqui um anúncio publicitário sem nenhum interesse de ordem pessoal.


Convido-vos para o espectáculo do Nelson (aliás, practitioner em PNL):

"A História do Mentalismo", apresentada por Nelson Brett, é um espectáculo que conta a história do espiritismo, hipnotismo, mentalismo, a sua evolução, ao mesmo tempo que se demonstra exactamente como faziam os grandes performers do séc XIX, interagindo directamente com o público


M/18

FAÇA A SUA RESERVA ATRAVÉS DE
LOBOTOMIA_ILUSORIA@HOTMAIL.COM
96 258 96 54/91 654 16 34
indicando o 1º e último nome e contacto por mail ou tlm

Bilhete 5€

CURSO PARA CONSULTOR PANORAMA SOCIAL

O modelo "Panorama Social", uma criação do Dr. Lucas Derks baseada na modelagem de populações, é um instrumento da psicologia com o qual podemos ajudar a transformar o mapa inconsciente da realidade social nas pessoas. É um processo muito fácil e que permite uma rápida mudança de comportamento e vivência de si e do mundo.
O terceiro curso em Portugal para consultor do Panorama Social terá lugar de 12 a 16 de Maio e será dado pelo próprio autor. É destinado a pessoas com o nível mínimo de practicionar em PNL, psicólogos, terapeutas, especialistas de coach, mediadores de conflitos, políticos...
Preço reduzido com pagamento efectuado até 10 de Abril.
jose.figueira@pnl-portugal.com


http://www.panorama-social.blogspot.com/

"Se já é gostosa(o) assim,

imagina-se magra(o)?"



INTERESSADO/A?
então CLIQUE:

Como emagreci 20kg usando PNL

CONTROLO DA OBESIDADE

Uso de técnicas de Visualização Criativa para reeducação do metabolismo

O hipotálamo é o principal mecanismo cerebral responsável pelo controle da homeostase biológica, fome, sede, sexo, temperatura corporal. O nosso mecanismo de controle do metabolismo basal pode aumentar ou diminuir em 30% o nosso gasto calórico, sem nem notarmos. Metabolismo de alta queima de gorduras e glicose é um metabolismo de pessoa magra. Controlando este sistema podemos emagrecer rápidamente, sem drogas ou grandes sacrifícios alimentares. O hipotálamo também controla, junto com o sistema límbico, a secreção da adeno-hipófise e esta controla todo o sistema endócrino, secretando hormônios que alteram todo o nosso metabolismo.

Possuimos um neurocircuito no hipotálamo que é responsável pelo nosso centro da fome e o nosso centro da sede (hipotálamo lateral) e um outro que é o centro da saciedade (núcleo ventromedial). O exercício a seguir visa regular o controle inconsciente destes centros, e de outros que colaboram neste processo, auxiliando no controle do peso. Será utilizado um copo d’água. O processo não é de energização da água e sim de reprogramação do inconsciente, usando como âncora fisiológica o estímulo que a água faz rápidamente no hipotálamo. O centro da sede, no hipotálamo, é muito próximo ao centro da fome.

Sempre antes de ingerir qualquer tipo de alimento, seja refeição normal, seja uma pequena bala, pegue um copo dágua. Segure-o nas mãos. Então, de olhos abertos ou fechados, concentre a atenção em uma pequena área, um pouco acima dos olhos. Esta área é o hipotálamo.

Visualize o centro da saciedade no meio do hipotálamo, sendo estimulado. É o controle deste centro com o da fome que dá o apetite normal. Visualize, um pouco à direita deste, o centro da fome. Veja-o e sinta-o separando a fome normal da anormal, se comunicando melhor, através das palavras neuroquímicas dos neurotransmissores, com o centro da saciedade. Separando a fome normal da anormal.

Após, imagine o hipotálamo enviando mensagens para o sistema endócrino. Pense em uma área um pouco acima do centro da saciedade. O centro endócrino regula o metabolismo. Imagine tendo um metabolismo de um corpo magro, queimando mais gorduras e calorias apenas pelo fato de viver.Imagine também que há um aumento de ativação de endorfinas. O corpo sente bem-estar e disposição sem o estímulo de comida. As áreas de recompensa no hipotálamo e no sistema límbico são bem maiores do que as áreas de punição. Ative-as.

E pense agora na área pré-frontal. Imagine sendo uma pessoa que tem atitudes e comportamentos de acordo com essa nova ativação de endorfinas e metabolismo basal maior. E com menos apetite. Sinta-se esta pessoa. Por momentos, assuma esta modelagem como já tendo o corpo desejado.

Após, beba a água. Repita por vários meses a técnica, até o desencadear da transformação metabólica. Esta leva dois a três meses para fazer efeito total. Mas os efeitos são permanentes.

http://azevedo.wordpress.com/2008/03/21/controle-da-obesidade/

segunda-feira, 29 de março de 2010

AS BANANAS

Um amigo do viajante resolveu passar algumas semanas num mosteiro do Nepal.
Certa tarde, entrou num dos muitos templos do mosteiro, e encontrou um monge, sorrindo, sentado no altar.
- Por que o senhor sorri ? - perguntou ao monge.
- Porque entendo o significado das bananas - disse o monge, abrindo a bolsa que carregava, e tirando uma banana podre de dentro.
- Esta é a vida que passou e não foi aproveitada no momento certo, agora é tarde demais.
Em seguida, tirou da bolsa uma banana ainda verde.
Mostrou-a e tornou a guardá-la.
- Esta é a vida que ainda não aconteceu, é preciso esperar o momento certo - disse.
Finalmente, tirou uma banana madura, descascou-a, e dividiu-a com meu amigo, dizendo :
- Este é o momento presente.
Saiba vivê-lo sem medo.

(enviado por Paulo Ferroni)

O famoso papelinho de Paul “Bear” Bryant


Este é o início de um novo dia, Deus deu-me este dia para usá-lo como eu quiser.

Eu posso desperdiçá-lo ou utilizá-lo para o bem.

O que eu faço hoje é muito importante porque estou a trocar um dia da minha vida por isso.

Quando o amanhã chegar, este dia terá partido para sempre.

Deixando qualquer coisa em seu lugar, pela qual eu troquei o meu dia.

Quero que seja uma mais valia, não uma perda, o bem, não o mal.

Sucesso, não um fracasso, de modo a que eu me lembre do preço que paguei pelo meu dia.


Paul “Bear” Bryant, é uma lenda do futebol americano, quer como jogador quer como treinador, tendo conseguido marcos dificilmente igualáveis.

(enviado por Paulo Ferroni)

sexta-feira, 26 de março de 2010

Uma lenda da tribo dos Cheroqui...

Um velho Cheroqui a ensinar o seu neto sobre as lições da vida.
“Estou a viver uma luta dentro de mim,” dizia ele ao rapaz.
“É uma luta terrível – é uma luta entre dois lobos.
Um é mau, pois ele representa raiva, inveja, preocupação, lamentação, ganância, arrogância, auto-lamentação, sentimentos de culpa, ressentimento, inferioridade, mentira, falso orgulho, superioridade e ego.
“E o outro lobo”, assim continuou, "é bom - ele transmite vontade e prazer de viver, paz, amor, esperança, serenidade, humildade, simpatia, benevolência, empatia, generosidade, verdade, compaixão e fé.
E esta mesma luta também vive dentro de ti e dentro de todos os outros.”
Contemplando as palavras do seu avô durante uns momentos, pergunta o neto:
“E qual dos lobos vai ganhar?”
Ao que respondeu o velho Cheroqui em poucas palavras: “Aquele que tu alimentares."

terça-feira, 23 de março de 2010


Não precisas de forças mágicas para transformar a tua vida.
Todos os recursos de que precisas já estão dentro de ti.
J.K. Rowling (do Harry Potter, enviado por Dagelijkse gedachte, Holanda)



segunda-feira, 22 de março de 2010

Um pensamento do dia




A forma de como pensas quando perdes vai determinar
quanto tempo é que vai levar antes de ganhares

Anthony Robbins (enviado por dalijkse gedachte, Holanda)

terça-feira, 16 de março de 2010


L´image de soi (demonstração duma técnica)


video


Curso para consultores com Lucas Derks

(coach e terapia com o Panorama Social)


em Portugal a 12, 13, 14 , 15 e 16 de Maio


inscrições: jose.figueira@pnl-portugal.com

O poço iniciático onde se unem terra e céu (quinta da regaleira)

Fossem eles assim

Nasrudin no meio da praça dirigiu-se à multidão:
- "Ó povo deste lugar! Querem conhecimento sem dificuldade, verdade sem falsidade, realização sem esforço, progresso sem sacrifício?"
E logo se juntou-se um grande número de pessoas gritando:
- "Queremos, queremos!"
- "Excelente!", disse o Mullá. "Era só para saber. Podem confiar em mim, contar-vos-ei tudo caso algum dia descubra algo assim."

quarta-feira, 10 de março de 2010

Pela terceira vez em Portugal, Lucas Derks oferece um curso de 5 dias para formação de consultores (coach, terapia)

Como já é conhecido, a 12, 13, 14, 15 e 16 de Maio terá lugar em Portugal o terceiro curso com a possibilidade de se tornar consultor do Panorama Social e será dado pelo próprio autor Lucas Derks em inglês com tradução em português.
Para se inscrever neste curso é necessário ter como base um diploma oficial de practitioner em PNL ou formação equivalente.

O curso terá lugar em Carcavelos na sala de formação panorâmica do Hotel Praia Mar. Das 09.30 às 18.30 horas.

Para mais informação sobre o Panorama Social pode consultar:
http://www.panorama-social.blogspot.com/

No caso de querer adquirir o livro de Lucas Derks:
"SOCIAL PANORAMAS, changing the unconscious landscape with NLP and psychotherapy"
pode adquiri-lo através de:
http://www.estruturadamagia.com

O Panorama Social trata de como organizamos as nossas relações na nossa mente. As bases assentam na PNL e na psicologia social e cognitiva.

Temas fundamentais são:
- as relações connosco, a sensação que temos de nós e a nossa auto-imagem;
- as relações com os outros, individualmente ou com grupos;
- teambuilding, relações dentro da organização e negociação;
- relações de autoridade, poder e submissão;
- relações familiares e relação do panorama de infância com a nossa personalidade actual (o Panorama Social já é considerado por vezes como alternativa e complemento das constelações familiares);
- relações amorosas;
- relações com o nosso mundo espiritual e entes falecidos.

A transformação na prática da nossa vida relacional é o resultado da reorganização da transformação do panorama social na nossa mente.

Inscrições a preço reduzido até 10 de Abril.

sábado, 6 de março de 2010

RELAÇÕES BANDLER-GRINDER E DIREITOS DE AUTOR

Grinder no início aprendeu de Bandler. Aplicou terapias em grupo na prática de trabalho terapêutico de grupo do que tinha visto fazer a Bandler na semana anterior. E certamente que Bandler, especialista em matemática e computadores e com interesse por psicologia nunca teria chegado onde chegou sem a contribuição do linguista e ex-agente da CIA que foi John Grinder.
Em 1981 o topo mundial na “ciência” e “arte” da comunicação excelente, os tais Bandler e Grinder, não se entendem sobre direitos de autor, o que depois de anos de disputa em tribunal acaba em águas de bacalhau. Tanto o US Superior Court como a Engels High Court, pondo fim à polémica Bandler-Grinder, declaram em 2000 que a PNL e o termo podem ser empregues livremente:
em princípio toda a gente em todo o mundo, seja sapateiro, cirurgião ou engenheiro, pode oferecer a todo o momento, independentemente da sua formação, cursos de Programação NeuroLinguística sem invocar nem pagar nem se preocupar com direitos de autor (talvez por isso haja uma necessidade intrínseca nos centros de invocar chamadas organizações internacionais para justificar credibilidade e responder à crença generalizada no valor de diplomas embora não sejam mais que papéis selados ou não! No entanto, sobretudo Associações nacionais, dão uma certa segurança na medida em que, pelo menos, controlam um mínimo de normas.)

No seguimento desta história sinto às vezes como cómico ouvir falar de representações internacionais e os próprios autores que consideram a sua PNL como genuína.

Bandler e Grinder não têm então outra alternativa senão inventar qualquer coisa nova para justificar a relevância e exclusividade dos seus trabalho visto que foram outros a colher os louros. Quem colhe os louros é sobretudo um tal Anthony Robbins que lhe dá outro nome, comercializa a coisa de tal forma até atingir sessões com 12.000 pessoas e libertando definitivamente a PNL da terapia e levando-a para todas as áreas da comunicação e sobretudo enchendo o seu próprio bolso de yuppie. (A PNL balanceia entre os fins do movimento cultural dos hyppie e começo da era dos yuppie, o que se vai reflectir no seu desenvolvimento e nos programas oferecidos pelos diversos centros, embora pelo que tenho assistido, muitas vezes os trainers não tenham consciência disso).
Bandler inventou então o DHE (Design Human Engineering) em que, segundo os críticos, desenvolveu aquilo que já estava presente e é considerado clássico em PNL, sobretudo o trabalho com submodalidades. Para além disso Bandler tem feito muito trabalho baseado na hipnose e até nos últimos anos, segundo alguns, intervenções como resultado do trabalho em hipnose teatral de Paul McKenna, uma figura que tem para além disso ajudado e inspirado muita gente.
Grinder, o intelectual, quis pôr os pontos nos íís e distinguir-se tornando claro o que ele acha que é PNL e o que não é, e criando aquilo a que chamou de New Code NLP. Diversos pontos que Grinder aponta no seu trabalho “Whispering in the Wind” com Carmen Bostic St. Clair, parecem na verdade ter tido algum impacto como a sua visão sobre o que distingue a modelagem em PNL duma modelagem analítica de carácter universitário como a que Dilts estava fazendo, o papel do inconsciente e a necessidade de neutralizar a mente consciente na transformação, a congruência do pnliano no emprego das técnicas, o acento novamente dado à questão da intenção positiva, o papel das diversas posições perceptivas, etc…. O que podemos afirmar como seguro é que não há grande novidade e que praticamente o que tem sido introduzido como novo ou como complemento por Bandler e Grinder tem sido facilmente asimilado sem distinções nos cursos clássicos de PNL. Em qualquer training e centro no mundo e, pelo que sei, até mesmo em Portugal, as chanadas novidades já estão há muito mais que integradas nos programas regulares. O que mundialmente se admite, pelo que tenho seguido, é que estes chamados novos produtos estão muito longe de ser novos e produzir o impacto que os autores possivelmente desejariam.

Como li algures, podemos resumir a coisa assim:
"Bandler e Grinder são como os Beatles depois da separação. É certo que continuavam a produzir novos números mas faltava-lhes a criatividade que tinham quando estavam juntos."

A PNL não seria o que é nem se teria desenvolvido como se desenvolveu nem teria as perspectivas de crescimento que oferece, sem aquele grupo básico que se dissolveu quando os tais grandes gurus da comunicação excelente Bandler e Grinder se envolveram em disputas `egóicas` pessoais. O que não descredibiliza a excelência do contributo.
Esse grupo básico juntamente com outros continuaram o trabalho e souberam desenvolver toda a potencialidade que os dois génios afinal muito "humanos" tinham produzido. Assim seria impossível falar de PNL sem mencionar, por exemplo, em primeiro e proeminente lugar Robert Dilts e depois, por ordem arbitrária, Tad James (TM, Time Line Therapy), Lucas Derks (Social Panorama), Michael Hall (Neuro-Semantics, Meta-states), John Overdurf (Humanistic Neuro-Linguistic Psychology), Penny Tompkins e James Lawley (Symbolic Moddelling), Steve Andreas, Richard Bolstad, Anné Linden, Connirae Andreas, Joseph O`Connor, Todd Epstein, Robert McDonald, etc., etc., etc.

sexta-feira, 5 de março de 2010

Sleight Of Mouth

Nigel Hetherington
Jamie was out one night at a club when one of his
Friends turned up wearing trainers, shoes that were
Outside of the Doorman's welcome guest code.

The doorman was 'doing his thing' and making sure this
Person was leaving without getting into the club when
Jamie intervened with one of his excellent
Sleight Of Mouth - Influence patterns:

"I know the shoes are not negotiable ... BUT ...
What would have to happen in order for you
To let my friend in and join the party?"

This is absolutely brilliant, believe me!

Here's why!

1. The bouncers reality is paced and theyAre in control!
2. Jamie invites, through presupposition, the
Bouncer, to then evaluate their past history to
Find examples of when they eased 'their rules'
And / Or to make a decision ... which supports
Jamie's outcome ...

Try It! ... Brilliant use of language!

quinta-feira, 4 de março de 2010

Entusiasmo

O Entusiasmo é a maior força da alma.
Conserva-o e nunca te faltará poder para conseguires o que desejas.
(Napoleão Bonaparte)
"Sucesso não vem para os mais inteligentes, talentosos ou fortes. O mundo está cheio de gênios que não fizeram nada com seu talento.

Sucesso sustentável vem para aqueles que possuem a maior chama interior.
Desejo inflamado, paixão irracional e crença massiva na importância de um grande sonho."

(Robin Sharma)